APENAS FUNDO RUSSO PODE COMERCIALIZAR VACINA SPUTINIK V COM ESTRANEGEIROS

1 mês atrás
85 Views

Após reunião da CONAV UNALE ( Comissão Nacional de Acompanhamento da Vacinação), realizada neste fim de tarde de quinta-feira (01-04), a presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do RS, deputada Zilá Breitenbach, comunica aos prefeitos gaúchos que apenas o Fundo Russo de Investimentos Diretos (RDIF) pode negociar e vender a vacina Sputinik V.
A informação foi passada pelo embaixador russo no Brasil, Alexey Labetskiy, que participou da reunião para esclarecer dúvidas sobre a autorização de uso da vacina no Brasil pela ANVISA e comercialização da mesma.
Vários deputados colocaram que em seus estados estariam recebendo visitas de representantes que estariam vendendo a Vacina Sputinik V, inclusive citando valores que variam muito de um estado para o outro. O embaixador explicou que o RDIF é único responsável por negociar os acordos de venda do imunizante com países estrangeiros.
Segundo Labetskiy, a Sputinik V já obteve a autorização de uso em 58 Países, com eficácia comprovada de 91,6%, sendo o primeiro lote piloto de transferência tecnológica do IFA da Sputnik V, 100% produzido no Brasil, apresentado, nesta terça-feira (30) para autoridades do Ministério da Saúde, pelo laboratório farmacêutico União Química. Todo lote estaria sendo enviado à Moscou para validação.
“A pandemia é um desafio global, e devemos trabalhar em conjunto para acabar com ela. E a alternativa que temos é vacinar a população com agilidade, e a Russia esta aberta para isto”, concluiu o embaixador que disse acreditar que em breve a vacina consiga autorização por parte da Anvisa e assim possa ser aplicada no Brasil.
A deputada Zilá tão logo terminou a reunião, entrou em contato com o presidente da ALRS, Gabriel Souza, e o presidente da FAMURS ( Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul), Maneco Hassen, para passar as informações e o contato do Fundo Russo de Investimentos Diretos (RDIF).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *