Secretária da Saúde apresenta ações da pasta durante a Pandemia da Covid-19 aos deputados

1 mês atrás
249 Views

No fim da tarde desta sexta-feira (24), a Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa em parceria com a Liderança do Governo realizou reunião em ambiente virtual com a participação da secretária estadual de Arita Bergmann e técnicos da SES RS.
Conforme a presidente da Comissão, deputada Zilá Breitenbach, o colegiado tem se reunido toda semana sempre buscando trazer autoridades da área da saúde que possam contribuir com informações atuais e importantes para assim auxiliar os deputados na construção de propostas junto ao Governo buscando combater a pandemia de forma eficiente.
Ela relatou, as ações da pasta neste período da pandemia do coronavírus e respondeu questionamentos dos parlamentares e representantes de entidades. O encontro foi coordenado pela presidente da comissão e pelo líder do governo, Frederico Antunes. Arita explicou aos parlamentares de que forma o Estado pretende utilizar os R$ 52 milhões destinados em emendas parlamentares para o combate a Covid-19. A intenção é investir na compra de leitos em UTIs privadas e também de equipamentos de proteção individual (EPIs) e respiradores.
A secretária anunciou que com a chegada ao Estado de novo lote de 85 mil testes rápidos anticorpos para detecção da Covid-19, a Secretaria da Saúde (SES) passa a priorizar, a partir desta sexta-feira, a testagem da população de idosos sintomáticos. Até agora os exames eram dirigidos a profissionais da saúde e da segurança pública. Arita disse que o Governo tem uma política, uma estratégia de testes para coronavírus, com diversas ações complementares. Ainda, informou que, com esse novo lote, o RS soma o recebimento de 130 mil testes rápidos vindos do Ministério da Saúde, e o envio dos testes para os municípios vai seguir critérios como número de habitantes e quantidade de casos confirmados.
O Governo do Estado realizou também na tarde desta sexta-feira (24) o pagamento de R$ 43 milhões aos municípios para manter programas municipais como Núcleo de Apoio à Atenção Básica (NAAB), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Primeira Infância Melhor (PIM) e outros. Além disso, também foi paga a 11ª parcela (de um total de 16) da dívida do Estado com os municípios, no valor de R$ 13,5 milhões. O valor refere-se a repasses atrasados entre os anos de 2014 e 2018 com as prefeituras e são relativos à Estratégia da Saúde da Família (ESF), Centros de Atenção Psicossocial (Caps), Política Estadual de Incentivo para Qualificação da Atenção Básica (Pies) e Vigilância do Trabalhador, deixando quitadas todas as pendências de agosto de 2018.
PRESENÇAS
Além do presidente da ALRS, deputado Ernani Polo, e dos deputaos Frederico Antues e Zilá Breitenbach, também participaram da videoconferência os deputados: Adolfo Brito, Dalciso Oliveira, Dr. Thiago, Eduardo Loureiro, Edson Brum, Fabio Branco, Franciane Bayer, Gerson Burman, Issur Koch, Kelly Moraes, Carlos Búrigo, Luciana Genro, Mateus Wesp, Pedro Pereira, Pepe Vargas, Sérgio Turra,Silvana Covatti, Valdeci Oliveira, Luiz HenriqueViana, Vilmar Zanchin, Luis Augusto Lara, Any Ortiz, Fran Somensi, Gaúcho da Geral, Dirceu Franciscon, Jeferson Fernandes e Zé Nunes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *