Maior representação feminina na política e equilíbrio entre homens e mulheres em espaços de decisão

2 semanas atrás
96 Views

Construir um ambiente favorável para haver maior representação feminina na política, fortalecer a cultura do respeito às mulheres e combater a violência de gênero, estabelecendo políticas direcionadas à atenção das vítimas de violência. Essas foram algumas questões sustentadas pela deputada Zilá Breitenbach, durante sessão solene, nesta quarta-feira (11), na Assembleia Legislativa, em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

A parlamentar falou em nome da Bancada do PSDB e destacou que o 8 de março é dedicado à defesa das mulheres, de seus direitos e de suas escolhas. “É um dia de reflexão, de pensarmos em ações que nos conduzirão à igualdade de oportunidades. Avançamos muito desde que essa data passou a ser comemorada, mas não restam dúvidas de que há ainda muitos espaços a serem preenchidos pelas mulheres. A política é um retrato disso”, enfatizou.

Segundo Zilá, com mais mulheres na política, não haverá apenas mais direitos, oportunidades e cuidados, também terá maior equilíbrio na tomada de decisões que afetam toda a sociedade. “Todos os ambientes precisam de equilíbrio, de diferentes pessoas, homens e mulheres cumprindo diferentes papéis, mas sendo igualmente respeitados e tendo os mesmos direitos. Deve ser assim na política, na sociedade e em nossas casas. É essa a mensagem que deixo neste dia em que temos a honra de abraçar as mulheres”, concluiu.

Homenageada

Zilá também enalteceu as mulheres homenageadas pela Assembleia na ocasião da sessão solene. A parlamentar destacou as qualidades de cada agraciada, ressaltando Ledir Borba da Luz, indicada pela bancada tucana para receber o Troféu Mulher Cidadã. Ledir nasceu em Tenente Portela, é filha de Dionizio e Rosa, casada com Pedro e mãe do Igor. Sua missão sempre foi ajudar e fazer a diferença na vida das pessoas, valorizando o trabalho da mulher e seu empoderamento.

Trabalhou no Hospital Santo Antônio, de Tenente Portela, e no Hospital São José, de Três Passos. Fez parte do Conselho Comunitário do Presídio de Três Passos. Dedicou-se à Associação Trespassense de Deficientes Ana Mansur de Azambuja (AMA). Sempre auxiliou na realização de eventos para arrecadar fundos para a APAE. Presidiu o Lions Clube Centro de Três Passos e ajudou na promoção de ações de arrecadação de fundos para o Hospital de Caridade da cidade.

Luís Gustavo Machado – MTE 15280

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *