Bancada do PSDB questiona criação da EGR

6 anos atrás
25 Views

Os deputados da Bancada do PSDB classificaram a proposta de criação da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) como um cheque em branco de cargos e salários. Foi questionada a ausência de informações importantes para formação de um novo órgão, como orçamento e prazo dos mandatos dos diretores.

Os deputados questionaram a pressa na criação de um novo órgão e cobraram mais tempo para debater a proposta, e encaminharam o voto contrário da bancada. A criação da EGR não discute preços menores nas praças já existentes nas rodovias e nem um novo modelo de pedágios ao Estado.

A deputada Zilá Breitenbach defendeu o uso da experiência do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) ao invés da criação de uma nova empresa. “Isso é o mínimo que a administração pode fazer em respeito aos servidores e a sociedade”, avaliou. Ela classificou como desperdício de dinheiro público a criação do novo órgão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *