Zilá na abertura da 9ª Expodireto

11 anos atrás
42 Views

A líder da bancada tucana, deputada Zilá Breitenbach, participou na manhã desta segunda-feira, 10, junto com a governadora Yeda Crusius e o ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, da abertura da Expodireto 2008, em Não-Me-Toque. Embalada pelos preços recordes da soja, a feira do agronegócio, projeta movimentar R$ 250 milhões e garante empregos temporários.

Para a deputada Zilá, esta feira é uma grande oportunidade para os gaúchos mostrarem para todo o país suas riquezas, produções e tecnologias. “O Brasil estará voltado para a região do Alto Jacuí. Dos 15 mil habitantes do município, pelo menos 10% têm envolvimento com a feira, trabalhando nos estandes e nos setores de infra-estrutura do local. Todos lucram: transporte, postos de combustíveis, restaurante, hotel, comércio.”

O governo do Estado está presente na feira através da Caixa RS, que oferece R$ 50 milhões para financiamentos em setores como armazenagem certificada, irrigação, avicultura e investimentos Agropecuários. O Banrisul liberou recursos na ordem de R$ 20,3 milhões. O produtor rural poderá financiar equipamentos e implementos agropecuários, por meio das linhas de crédito Pronaf Investimento D e E, Moderfrota, Moderinfra e Moderagro. “Isso tudo para incentivar ainda mais a produção dos nossos gaúchos. Temos que aproveitar as riquezas do nosso Estado como fonte geradora de tecnologia e produção de mercado, enfatizou Zilá.”

Com recursos próprios através do Banrisul é possível a aquisição de pequenas máquinas e equipamentos não cadastrados na linha Finame/BNDES. O valor de financiamento é de até 100% da compra, limitado a R$ 12 mil por produtor, com taxa de juros de 6,75% ao ano. O prazo para pagamento é de 24 meses, com duas parcelas anuais – no 12º e 24º mês.

Além da possibilidade de bons negócios, a Expodireto se caracteriza como espaço para novas tecnologias, debates e palestras entre produtores e empresas do setor. No ano passado, a comercialização chegou a R$ 145 milhões, 190% maior que na edição anterior. Em função das perspectivas de uma grande safra, os cinco dias de feira deverão superar estes números, garantindo bons negócios entre seus mais de 300 expositores.

Além do Pavilhão do Artesanato e da Agroindústria Familiar, a Emater oferecerá aos visitantes amostras de seu trabalho em unidades de florestas comerciais, fertirrigação em horticultura, turismo rural, jogos rurais e saneamento, piscicultura, fruticultura, produção leiteira, solos, secagem de cereais com energia solar e armazenagem em silos de alvenaria; agroenergia, classificação e certificação, horto de plantas bioativas, casa da família rural, artesanato da agricultura familiar, agroindústrias e o recanto temático.

A Expodireto 2008 estende-se até o dia 14 de março, no Parque de Exposições da Cotrijal, e tem previsão de um público superior a 150 mil visitantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *